page-banner

Sobre

Sua Alteza Sheikh Sabah Al-Ahmad Al-Jaber Al-Sabah, o emir do Kuwait, apresentou uma iniciativa para a III Cimeira Afro-Árabe organizada pelo Kuwait em novembro de 2013 para apoiar o desenvolvimento das nações africanas. A iniciativa estabelece um prémio anual em homenagem ao falecido Dr. Abdulrahman Al-Sumait, um médico kuwaitiano que dedicou a sua vida a angariar fundos para apoiar trabalhos humanitários e de caridade para projetos de saúde, educação e alimentação para os menos afortunados nas nações africanas.

O título do prémio é “Prémio Al-Sumait” para os avanços nos campos da Segurança Alimentar, Saúde e Educação no continente africano. O prémio deve ser concedido anualmente a indivíduos ou instituições em um desses campos e tem um valor de US$ 1.000.000 (um milhão de dólares americanos).

O objetivo do prémio

O objetivo do prémio é o reconhecimento e a apreciação dos melhores estudos, projetos científicos, investigações aplicadas e inovações que tiveram uma forte e duradoura influência no avanço do progresso para o desenvolvimento económico e social no continente africano. Os projetos premiados devem ajudar as nações africanas a superar a pobreza, a fome, a falta de água potável, a injustiça ou a melhorar a saúde, a alfabetização e a alocação de recursos económicos. O prémio também deve destacar sucessos nas seguintes áreas: Segurança Alimentar, Saúde e Educação.

O valor e o anúncio do prémio

Uma quantia de US$ 1.000.000 (um milhão de dólares americanos) é concedida anualmente a um indivíduo ou organização em um dos três campos mencionados acima, juntamente com uma medalha de ouro e um certificado de reconhecimento. O prémio será supervisionado pela Fundação do Kuwait para o Avanço das Ciências (KFAS) e pelo Conselho de Assessores. A KFAS irá fornecer suporte administrativo e logístico e cobrir todos os custos. O anúncio do prémio e também um convite para a apresentação de candidaturas serão divulgados anualmente em uma das áreas do prémio, através das redes sociais e nos sites da KFAS e do Prémio Al-Sumait, bem como por e-mail e anúncios.